Pesquisar
Close this search box.

Funil de Vendas

Sumário

funil de vendas, comumente chamado de pipeline, é um dos modelos estratégicos que mostram o trajeto do cliente, desde o seu primeiro contato até a finalização do negócio. É constituído por etapas e gatilhos, que tem como objetivo dar suporte à jornada de compras daquele cliente ideal de determinada empresa.

Um dos requisitos mais importantes para a iniciação do funil de vendas, é associar as áreas de marketing e de vendas. Sendo capaz de fornecer uma boa estrutura para a jornada de leads e das ocorrências de oportunidades no momento exato para as abordagens de vendas.

Todas as etapas do funil de vendas estão ligadas diretamente às etapas das jornadas de compras, como serão expostas a seguir.

Etapas do Funil de Vendas

Os processos de compras dos clientes raramente são lineares e homogêneos, durante todo o seu trajeto, o consumidor vai passando por várias etapas. Cada etapa aproxima o consumidor da admissão final.

O consumidor que já conhece o seu produto, neste contexto, está muito mais próximo de efetivar a compra do que aquele que acabou de conhecer.

De modo geral, o funil de vendas é composto por três fases:

Prospecção

Fase que gera o reconhecimento do negócio e atrai os chamados prospects, o topo do funil tem o mesmo sentido de prospecção e qualificação de leads. É nesta fase que os consumidores se dão conta que possuem determinada necessidade ou algum problema que precisa ser resolvido.

É neste momento, em que o consumidor procura as empresas que podem oferecer a solução, que esta mostra aos seus usuários sobre todos os produtos e serviços que oferecem. E em troca, transforma em leads os dados que recebem das pessoas.

Qualificação

Nesta fase, o time de vendas deve perceber quais são as reais necessidades do cliente. Quem tem o poder de decisão, tempo estimado para a aquisição do produto ou serviço, além de descobrir quanto o cliente tem para investir naquela compra.

Apresentação

Esta fase é o momento de fechar o negócio, transformar as oportunidades, os leads que tem qualificações, em clientes. A equipe de vendas precisa mostrar o seu produto ou serviço com uma boa proposta atrativa para fechar o negócio, efetivando a venda.

Algumas empresas ainda apostam em mais uma fase do funil de vendas, o pós-venda, que é focado na fidelização do cliente e na possibilidade de transformá-lo em um promotor orgânico da sua marca.

Etapas do Funil de Vendas

Depois de explicitado as etapas do e como funciona um funil de vendas, é chegada a hora de explicar como ele funciona na prática. A fim de ter uma melhor compreensão do funcionamento de todo o sistema.

Imagina que o seu negócio é de reforma de estofados, e que você tem um site onde dá dicas sobre os cuidados para manter o seu sofá sempre muito bem cuidado.

Lá no topo do funil, tem um possível cliente buscando na internet sobre reforma e cuidados com estofados. E acaba sendo levado ao seu site.

Esse possível cliente, começa a ler os artigos relacionados ao assunto e percebe que precisa reparar o seu estofado. Ele ainda faz buscas de como resolver o problema de forma caseira, mas percebe que só um profissional poderá resolver o seu problema.

No fundo do funil, esse possível cliente já está fazendo buscas de empresas especializadas em reformas de estofados, buscando os melhores preços e prazos. Como de início ele já se familiarizou com a sua empresa, através do site, e acabou vendo os comentários positivos relativos ao serviço realizado. Ele acaba tomando a decisão de fechar a compra.

Por fim, após a realização do serviço este cliente recebe um guia de como cuidar dos estofados, com indicações de produtos, entre outras coisas. Este cliente se sente valorizado, e acaba se tornando um promotor orgânico da sua empresa.

Neste artigo mostramos as etapas de construção e o funcionamento do funil de vendas na prática. Percebeu também a grande importância dele para atrair clientes e a possibilidade de transformá-los em compradores e ainda fidelizá-los.

Lembrando que ao criar um funil de vendas, é de suma importância evidenciar os propósitos do topo, do meio e do fundo do funil.

Quem chega primeiro bebe água limpa!

Receba em primeira mão nossos conteúdos e atualizações sobre sites, marketing digital, elementor e mais!

Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Picture of Nathalia Wilke

Nathalia Wilke

Nathalia é uma profissional criativa, que ama pesquisar, escrever, conhecer as histórias dos empreendedores e negócios. Possui experiência relevante em atendimento do cliente, empreende no mercado digital desde 2017, é estrategista digital e especializou em comunicação para processos de vendas.

Ele criou um modelo de recorrência que permitiu receber mais de R$ 8.000,00 todos os meses, através da criação de sites, fazendo praticamente nada...

Para você que quer empreender através da criação de sites.

Um documento a prova de falhas para você fazer o briefing de criação de sites IDEAL para seu projeto!

Veja Também

Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

Imagine um mundo onde suas informações pessoais são tratadas com o devido cuidado e respeito. Um mundo onde você tem o controle sobre quem tem acesso aos seus dados e como eles são utilizados. Esse mundo já existe e se

Storytelling

Você já ouviu falar de storytelling? Caso você esteja em busca de aumentar as suas vendas – quem não está? – então com certeza esse é um conceito que você não pode deixar de conhecer. Vendas não é um dom, mas, sim,

Programação Neurolinguística (PNL)

A programação neurolinguística descreve a dinâmica entre os mecanismos cerebrais (neuro) e a linguagem (linguística), e como sua relação afeta nosso corpo e comportamento. Este termo foi cunhado pelos psicólogos John Grinder e Richard Bandler. As técnicas de programação neurolinguística melhoram sua confiança, autoconsciência,

Ideação

A ideação, apesar de não ser um dos conceitos mais populares no mundo corporativo, é extremamente importante. A procura por métodos inovadores para a criação de projetos e produtos fez com que fossem criadas metodologias para aumentar a chance de decisões

Economia 4.0

Uma economia 4.0 é uma digitalização desde a sua produção. A digitalização refere-se ao uso crescente de tecnologias automatizadas, digitalizadas e em rede em nossa sociedade. A economia 4.0 designa especificamente o desenvolvimento na indústria, seja na construção de veículos, engenharia mecânica

Comportamento Empreendedor

Você sabe o que é comportamento empreendedor ou como isso pode te ajudar a crescer no mercado de trabalho? Muitos pensam que é uma característica intrínseca, mas, na verdade, é algo adquirido com técnicas e estudos. É claro que existem